El Santo Asesino


Mais uma entrevista de peso aqui no VIOLENT NOISE. Desta vez conversamos com Danilo Gonzalez, guitarrista e vocalista do EL SANTO ASESINO, duo que executa um Death/Grindcore furioso e bastante extremo. Nesta breve conversa, Danilo nos contou um pouco da trajetória da banda, falou sobre a repercussão do primeiro EP, comentou sobre os planos para o futuro e outros detalhes diversos.  

Confiram a entrevista e vamos apoiar o nosso Underground. Demais detalhes também podem ser obtidos através do Facebook Oficial do grupo. 

Apreciem! 

O grupo surgiu em 2013. Como tudo começou? 

Danilo: Eu gravei a primeira demo “Inimigo do Meu Inimigo" meio na brincadeira. Tinha comprado uns equipamentos, queria testar e acabei gravando. Mostrei para o baixista Mike Miranda. A gente tinha tocado em outras bandas antes... ele gostou tanto que na hora ele falou: “Mano, vamos montar uma banda e tocar esses sons tudo!!”. Eu não estava muito na pegada, mas aí ele acabou me convencendo - rs. Estamos aí na correria desde então. 

De onde veio o nome? 

Danilo: De um gibi que li há alguns anos. Ele se chama El Santo de los Asesinos"  e trata de um cara que é morto na traição, volta dos mortos e se vinga de todos que o traíram. 

Como está a formação do EL SANTO ASESINO hoje?  

Danilo: O Mike no baixo, eu na guita e nos berros e a Ameaça Bastarda (Bateria Eletrônica). 

Falando em sonoridade, o grupo toca um Death/Grindcore, correto? Quais as influências da banda? 

Danilo: Basicamente sim, mas a gente gosta de várias coisas e procura não se apegar a um estilo definido ou rótulos. De influência mesmo temos o Napalm Death, NailbombMisery Index, Lock UpBrujeria, bandas de Death Sueco na pegada do EntombedDismemberMinistry e por aí vai. 

Como é o processo de composição e criação de letras? 

Danilo: Eu faço as músicas, nos ensaios e gente vai lapidando e quando tudo já está definido colocamos as letras. 

Vamos falar um pouco sobre o “República do Caos”, o primeiro EP de vocês. Qual a repercussão deste material para o grupo? 

Danilo: Cara, tem sido bacana. A gente acabou regravando já que a produção do primeiro não ficou boa. Acredito que deu certo por que temos recebido muitas críticas positivas. 




Quais os planos para o futuro? 

Danilo: Estamos gravando o nosso primeiro Full. Ainda não tem um nome definido, mas assim que terminarmos vamos começar a divulgar e tocar mais do que temos tocado ultimamente, já que fizemos poucos shows devido a vários problemas que tivemos neste último ano. 

Chegamos ao final do nosso breve bate-papo. Deixe uma mensagem aos fãs e seguidores do EL SANTO ASESINO. 

Danilo: Queríamos agradecer primeiramente a você e ao VIOLENT NOISE pelo espaço e o apoio dado para nós, ao pessoal que gosta do nosso som e está sempre apoiando a cena e pedir também que continuem com esse apoio às bandas e comparecendo aos shows. Sem vocês não têm Underground. 

Fotos: Arquivo da banda 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MIRZA

GOSOTSA - O Sol tá Maior III

Maledettos